O PODER SATÂNICO NO IDEAL DA "PATRIA GRANDE" COMUNISTA DO FORO DE SÃO PAULO - LIBERTAR.in - Ministério CASA DE YISRAEL

News

7 de ago de 2019

O PODER SATÂNICO NO IDEAL DA "PATRIA GRANDE" COMUNISTA DO FORO DE SÃO PAULO


Na imagem, Nicolás Maduro aparece aos pés de Sai Baba. A visita do hoje Presidente da Venezuela, seguidor do guru, aconteceu no ano de 2005, em Puttaparthi, Índia. Maduro recebeu inclusive as "bençãos" dos herdeiros do líder hindú, morto em 2011, para suceder o tiranete comuno-bolivariano Hugo Chávez - dando continuidade ao esquema criminoso do Foro de São Paulo para transformar a América Latina na imensa "Patria Grande" comunista.

Mas, quem é Sai Baba? Veja o que disse o falecido padre Gabriele Amorth - Chefe dos Exorcistas do Vaticano - sobre o guru de Nicolás Maduro, Presidente da Venezuela que também foi "consagrado" com o falso catolicismo dos "apóstolos" da Teologia da Libertação:

[...] "Anita. Uma mulher da província de Roma que volta a ser livre depois de ter vendido sua própria alma a um guru. Não se trata de um guru qualquer, mas DAQUELE QUE EU DIGO TER SITO (MORREU HÁ POUCO) O FILHO PREDILETO DE SATANÁS". [...]

"Com muito esforço, Anita aceita ser exorcizada por mim. Os exorcismos duram anos. Compreendo, no transcurso dos exorcismos, que SAI BABA É UM GURU UNIDO ESTREITAMENTE A SATANÁS.

"PARA MIM, ELE É O FILHO PREDILETO DE SATANÁS NA TERRA". [...]

"Sai Baba nasceu em 23 de novembro de 1926 e morreu em abril de 2011. Dizia que era um avatar, uma encarnação divina na terra, sob aparência humana. Afirmava saber quem havia sido nas encarnações anteriores: um santo venerado por muitíssimos devotos, chamado Shirdi Sai e que havia falecido oito anos antes dele nascer". [...] "Sai Baba predicou a não-violência, a verdade e o amor. Seus seguidores ainda hoje pensam que ele é uma potência divina. Existem no mundo milhares de locais dedicados à sua devoção. SAI BABA RODEAVA-SE DE PESSOAS QUE, QUANTO MAIS TEMPO DE CONVIVÊNCIA TINHAM COM ELE, MAIS APRESENTAVAM PROBLEMAS E MOSTRAVAM-SE EVIDENTEMENTE POSSUÍDAS. Todos esperavam que ele os curasse, mas ninguém foi realmente curado.

"SAI BABA FOI O FILHO PRIMOGÊNITO DE SATANÁS, DISSO NÃO TENHO A MENOR DÚVIDA. Falava bem de todos, em particular de Jesus, mas só havia um Deus: ele, mais ninguém. Isso era o que pensava de si mesmo. Ajudava, com importantes doações, a hospitais das aldeias da Índia; aparentemente, fazia o bem porque o diabo é sumamente astuto". [...]

PADRE GABRIELE AMORTH in "O último exorcista": minha batalha contra Satanás. Ecclesiae: Campinas-SP, 2012. pp. 141; 146-47.


______

O tiranete comunista Nicolás Maduro convocou um "guru" para intermediar um "diálogo" com a oposição. Trata-se do "líder espiritual" indiano Gurudev Sri Sri Ravi Shankar, que também participou do "acordo de paz" de fachada com as FARC, grupo narco-terrorista colombiano e sócio do Foro de São Paulo, que irá se reunir daqui a três dias na própria Venezuela (25-28 julho - 2019).

O "diálogo" é uma estratégia bem conhecida, sendo inclusive utilizada por Nicolás Maduro. Ganhar tempo, arrastar decisões e compromissos, enganar, iludir. Aliás, é um privilégio imerecido a um delinquente que deveria estar atrás das grades por devastar o seu país, torná-lo um império do crime a serviço do ideal do Foro de São Paulo: transformar a América Latina na imensa "Patria Grande" comunista.

Maduro e Ravi Shankar. O presidente da Venezuela, "discípulo" do também guru indiano Sai Baba, que o padre Gabriele Amorth - o saudoso líder dos exorcistas do Vaticano - definiu como "o filho predileto de Satanás na Terra" (cf. "nota" anterior). Não parece tão difícil perceber do que se trata o tal "diálogo".

II.

O livro "Los brujos de Chávez", de David Placer, mostra como o falecido Hugo Chávez recorreu à bruxaria, ao espiritismo, à santeria - com macabro sacrifício de animais - e ao ocultismo para ter nas mãos o poder na Venezuela. A publicação, muito bem documentada, mostra como o tiranete comuno-bolivariano firmou um autêntico pacto satânico para levar à frente - como um dos protagonistas - o projeto idealizado pelo Foro de São Paulo: transformar a América Latina na imensa "Patria Grande" comunista.


Chávez, que foi também elevado aos altares pela nefasta Teologia da Libertação - a falsa teologia criada para enganar os católicos e utilizar sorrateiramente a Igreja Católica para promover as bandeiras e ambições comunistas [1]. O que mostra a quem servem - por compromisso direto ou indireto - os "apóstolos" da teologia revolucionária.

______

[...] "um dos meios mais comuns que o demônio utiliza para atrair o homem e o embrutecer é a MAGIA, a SUPERSTIÇÃO e TODAS AS FORMAS DE PRESTAR UM CULTO DIRETO ou INDIRETO a SATANÁS. Aqueles que praticam a magia julgam que podem manipular as forças superiores mas, de fato, eles servem essas mesmas forças.

"Os feiticeiros julgam-se os senhores do bem e do mal. Os ESPÍRITAS e os MÉDIUNS empregam todos os seus esforços na invocação dos espíritos superiores ou dos espíritos dos defuntos, MAS NA VERDADE ENTREGAM O CORPO E A ALMA A FORÇAS DEMONÍACAS, sem se darem conta que SÃO SEMPRE UTILIZADOS PARA UM FIM DESTRUTIVO, ainda que esse fim não se manifeste logo. O homem, afastado de Deus, é pobre e infeliz; não chega a compreender o sentido da vida e, ainda menos, o sentido das dificuldades, da dor e da morte. Deseja a felicidade tal como o mundo a propõe: riqueza, poder, bem-estar, amor, prazer, admiração... e aceita que o demónio lhe diga: 'Tudo te darei, porque me pertence e dou-o a quem quiser, se te prostrares diante de mim' (Lc. 4, 6-7).

"É assim que uma multidão de jovens e velhos, mulheres, operários, professores, políticos, atores e curiosos, procura a 'verdade' sobre o seu futuro. É UMA MULTIDÃO QUE SE TORNA PRESA DE OUTRA MULTIDÃO: MÁGICOS, ADIVINHOS, ASTRÓLOGOS, CARTOMANTES, PRANOTERAPEUTAS, SENSITIVOS ou VIDENTES de vários tipos. Vêm atraídos pelo acaso, pela esperança, pelo desespero ou simplesmente por curiosidade; alguns ficam prisioneiros, outros ligados e outros ainda penetram no círculo fechado das seitas.


"Mas o que há por detrás de tudo isto? OS IGNORANTES PENSAM QUE SE TRATA UNICAMENTE DE SUPERSTIÇÃO, DE CURIOSIDADE, DE FINGIMENTO, DE FRAUDE. De fato, esta atividade está ligada a um grande número de situações. NO ENTANTO, na maioria dos casos, a realidade é outra. A MAGIA NÃO É SOMENTE UMA CRENÇA EM ALGO FALSO OU DESPROVIDO DE QUALQUER FUNDAMENTO. É UM RECURSO ÀS FORÇAS DEMONÍACAS PARA INFLUENCIAR O CURSO DOS ACONTECIMENTOS E INFLUIR SOBRE AS PESSOAS, A SEU BEL-PRAZER. Esta forma desviada de religiosidade, característica de povos primitivos, prolongou-se no tempo e coexiste atualmente com as religiões em todos os países. Embora sob diversas formas, o resultado é o mesmo: AFASTAR O HOMEM DE DEUS, CONDUZI-LO AO PECADO E À MORTE INTERIOR".


in AMORTH, Gabriele. "Um exorcista conta-nos". Paulinas: Lisboa, 2012 (8a. ed.). p. 147-49.


III.


O vídeo abaixo é uma reportagem do canal "Teletrece" (T13) sobre "Los brujos de Chávez", e traz uma entrevista com David Placer, autor do livro com o mesmo título. Ele mostra como o tiranete comuno-bolivariano, que ostentava o falso catolicismo da Teologia da Libertação, realizou um autêntico pacto satânico - pacto transmitido a seu herdeiro não só político mas também "espiritual": Nicolás Maduro - para controlar a Venezuela e tornar-se protagonista no esquema de poder criminoso do Foro de São Paulo com o objetivo de transformar a América Latina na imensa "Patria Grande" comunista.


IV.

Eis como Hugo Cháves foi iniciado na Maçonaria e como a seita satânica serviu aos interesses e ambições do tiranete comuno-bolivariano - já envolvido com o espiritismo, magia negra e bruxaria - para destruir a Venezuela e fortalecer o nefasto projeto de transformar a América Latina na imensa "Patria Grande" comunista:

[...] Hugo Chávez siempre supo casar su vida personal con la de los ancestros. Después de ganar sus primeras elecciones, el 6 de diciembre de 1998, decidió que antes de la investidura, el 2 de febrero de 1999, debía iniciarse en la MASONERÍA. Las grandes transformaciones que había preparado para el país no solo requerían todo su esfuerzo y trabajo sino ayuda espiritual que, tal como había escuchado, también había sido utilizada por Simón Bolívar. [...]

Unas semanas antes de la toma de posesión de Hugo Chávez, un grupo de militares se acercó a una logia de masones en la urbanización Altamira, en Caracas. Se trataba de un grupo reducido encabezado por Hernán Grüber Odremán, emisario del presidente electo y máximo líder del segundo golpe de Estado contra Carlos Andrés Pérez, el 27 de noviembre de 1992. Grüber Odremán había pactado una cita con el "venerable maestro" Fermín Vale, el líder espiritual de la logia, para transmitirle una solicitud verbal: "Hugo Chávez quiere iniciarse en la masonería y ha elegido esta logia para llevarlo a cabo".

Vale, primo del exvicepresidente y hombre de confianza de Chávez, José Vicente Rangel, era "maestro de la masonería primigenia" y había conservado las normas y rituales de los próceres de la independencia. Ellos fueron los primeros líderes americanos que se habían adentrado en los caminos espirituales para pedir ayuda en sus guerras terrenales. Hugo quería iniciarse en la masonería del modo más parecido al que – según esa tradicional oral – lo habían hecho los libertadores.

– Normalmente los miembros de la logia debaten la conveniencia o no de aceptar a un nuevo miembro. Pero por la investidura del personaje, en ese caso había poco que discutir. De inmediato se aceptó el ingreso – comenta uno de los antiguos miembros de la logia que prefiere mantener su nombre en el anonimato.


Pero el grupo tenía unas estrictas normas que imponía para aceptar al aspirante. Y, entre las condiciones que comunicaron a Grüber Odremán, se encontraba aislar durante unas horas al presidente electo de la escolta de Casa Militar que lo custodiaba día y noche. El contralmirante envió el mensaje de la logia pero fue rechazada por quienes velaban por la seguridad del futuro mandatario. El anillo de vigilancia no estaba dispuesto a dejar a Hugo Chávez a solas en manos de cuatro desconocidos. La logia se negaba a que el ritual fuese presenciado por militares, así que Chávez buscó otra opción para la iniciación. Los masones veteranos están convencidos que la logia elegida fue la de Sol de América, en el centro de Caracas, a la que pertenece el exalcalde de Caracas y dirigente del Partido Socialista Unido de Venezuela, PSUV, Freddy Bernal. [...]

(*) Texto extraído do livro "Los brujos de Chávez", de David Placer. Sarrapia Ediciones: Caracas-Venezuela, 2015. p. 59-60.

(**) Imagem. "Gran Logia de la República Bolivariana de Venezuela". Site: [http://www.glrbv.org.ve/]; Facebook: [https://www.facebook.com/pg/Gran-Logia-de-la-Rep%C3%BAblica-Bolivariana-de-Venezuela-124948014341717/about/?ref=page_internal].

(***) "Seita satânica que tem por única lei a mentira, por seu deus o demônio, e por culto e religião o que há de mais vergonhoso e depravado sobre a face da Terra". Pio VIII sobre a Maçonaria. Carta Encíclica "Traditii humilitati nostrae", 1829.

V.

A ex-mulher de Hugo Chávez deixa claro que o falecido tiranete comuno-bolivariano fez de fato um pacto satânico para manter-se no poder na Venezuela e, consequentemente, transformar o país em base para a realização do ideal do Foro de São Paulo - transformar a América Latina na imensa "Patria Grande" comunista:


Azzi explica que algunos militares que estuvieron cercanos a Chávez como Antonio Rojas Suárez, exgobernador que salió del gobierno por discrepancias políticas, avalan su teoría. También asegura que Marisabel Rodríguez, la segunda esposa de Chávez, es una mujer atormentada por los ritos satánicos que presenció.

– Yo una vez le dije a Marisabel que estaba convencida de que Chávez había hecho un pacto con el diablo, un rito satánico, para mantenerse en el poder. Después de decirle eso, me dio una respuesta contundente: "¿Cómo sabes eso?".


(*) Texto extraído do livro "Los brujos de Chávez", de David Placer. Sarrapia Ediciones: Caracas-Venezuela, 2015. p. 113.


VI.


Hugo Chávez. Magia, Espiritismo, Bruxaria, Maçonaria e pacto satânico [2].

Cumpre recordar, então, os "apóstolos" da Teologia da Libertação que "consagraram" esta figura macabra e o seu projeto de poder, vigente ainda na Venezuela na figura do seu herdeiro político e "espiritual" - o Presidente Nicolás Maduro. Que o fizeram no intuito de perverter o Evangelho, enganar os católicos e, com isso, adornar os seus líderes com uma aura, embora falsa, de santidade, promovendo simultaneamente o esquema criminoso de transformar a América Latina na "Patria Grande" Comunista. Entre eles, os ainda cultuados por uma parcela significativa do público brasileiro, Leonardo Boff e Frei Betto - os teólogos do PT e do Foro de São Paulo [3].

VII.

FARC. Grupo narco-terrorista promove rituais satânicos para implantar o comunismo na Colômbia. As FARC, que tornou-se partido político com as "bençãos" do Ocultismo e da Bruxaria, são aliadas do PT no Foro de São Paulo para transformar a América Latina na imensa "Patria Grande" comunista [4].


______


VIII.

No bastião da “Patria Grande” comunista do Foro de São Paulo:

SACERDOTES VENEZUELANOS AFIRMAM QUE OS RITOS SATÂNICOS “SÃO CADA VEZ MAIS FREQUENTES”.

[...] “A guerra espiritual sempre existiu. Lamentavelmente, temos GOVERNANTES que desconhecem a palavra do Senhor e permitem que coisas estranhas aconteçam. Vivemos em um país que foi estabelecido por MUITAS PESSOAS QUE UTILIZAM A SANTERIA [BRUXARIA/SATANISMO] PARA GANHAR PODER, e isso é lamentável” [1]. [...]

Leia: “Sacerdotes venezolanos afirman que los ritos satánicos ‘cada vez son más frecuentes’”. Ries, 26 de dezembro de 2017 [http://infocatolica.com/blog/infories.php/1712230810-sacerdotes-venezolanos-afirma].


IX.

Um efeito direto do poder satânico no ideal da “Patria Grande” comunista (*). Ideal disseminado pela gangue “ungida” pela Teologia da Libertação – a “catequese oficial” da CNBB:

“NEM OS MORTOS TÊM PAZ NA VENEZUELA”.

Profanação, RITUAIS SATÂNICOS e santeria são já abundantes em cemitérios, como no de General do Sul, em Caracas. / [...] “O VÍNCULO DE ALTAS ESFERAS DO GOVERNO VENEZUELANO COM ESSAS PRÁTICAS torna tudo mais dramático” (*) [...]

Leia: “Ni los muertos tienen paz en Venezuela”. Infocatólica, 18 de fevereiro de 2018 [http://www.infocatolica.com/?t=noticia&cod=31644].


X.

Daniel Ortega e Rosario Murillo: os anfitriões do Foro de São Paulo na Nicarágua e a Bruxaria - o satânico esquema de poder comunista consagrado pela Teologia da Libertação.


(*) Nota V da publicação "Foro de São Paulo: delinquência comunista na Nicarágua". Bruno Braga, 05 de agosto de 2017 [http://b-braga.blogspot.com.br/2017/08/foro-de-sao-paulo-delinquencia.html].


REFERÊNCIAS.


[1]. Cf. "A Venezuela comunista da Teologia da Libertação" [http://b-braga.blogspot.com.br/2017/04/a-venezuela-comunista-da-teologia-da.html].


[2]. Cf. notas anteriores.


[3]. Cf. "Os 'apóstolos' do Foro de São Paulo" [http://b-braga.blogspot.com.br/2016/06/os-apostolos-do-foro-de-sao-paulo.html].


[4]. BRAGA, Bruno. "Um desajuste nocivo" [http://b-braga.blogspot.com.br/2012/07/um-desajuste-nocivo.html]; "O 'Chefe' e as Farc" [http://b-braga.blogspot.com.br/2012/12/o-chefe-e-as-farc.html]. (*) Sobre os Ex-Presidente Luiz Inácio e as Farc; "A Gerentona e as Farc" [http://b-braga.blogspot.com.br/2012/12/a-gerentona-e-as-farc.html]. (*) Dilma Rousseff e as Farc; "O MST e as FARC" [http://b-braga.blogspot.com.br/2014/12/o-mst-e-as-farc.html]; "Dossiê brasileiro" (Revista Cambio) [http://b-braga.blogspot.com.br/2012/12/dossie-brasileiro-revista-cambio.html]. (*) Sobre o envolvimento de lideranças petistas com as Farc.


ARTIGOS RECOMENDADOS.


PACEPA, Ion Mihai. "A KGB criou a Teologia da Libertação" [http://b-braga.blogspot.com.br/2015/01/a-kgb-criou-teologia-da-libertacao.html]. Tradução do Capítulo "Liberation Theology" (15), que é parte do livro "Disinformation": former spy chief reveals secret strategis for undermining freedom, attacking religion, and promoting terrorism (WND Books: Washington, 2013);


______. "As raízes secretas da teologia da libertação". Trad. Ricardo R. Hashimoto. Mídia Sem Máscara, 11 de Maio de 2015 [http://www.midiasemmascara.org/artigos/desinformacao/15820-2015-05-11-05-32-01.html];


______. "A Cruzada religiosa do Kremlin". Trad. Bruno Braga [http://b-braga.blogspot.com.br/2013/04/a-cruzada-religiosa-do-kremlin.html];


. "Ex-espião da União Soviética: Nós criamos a Teologia da Libertação", ACIDigital, 11 de Maio de 2015 [http://www.acidigital.com/noticias/ex-espiao-da-uniao-sovietica-nos-criamos-a-teologia-da-libertacao-28919/].





Via https://b-braga.blogspot.com/

Nenhum comentário:

Últimos mais vistos

Mais vistos em 10 anos de site