Últimas

ARÁBIA SAUDITA DECAPITA ATIVISTA FEMINISTA EM PÚBLICO - CADÊ OS PROTESTOS AGORA?

Arábia Saudita decapita ativista feminina em público: Reportagem

Ué? Cadê agora as feministas socialistas que defendem o islamismo? Cadê os protestos feminazistas?
Se enfurecem apenas quando o alvo são os cristãos?


TEERÃ, Young Journalists Club (YJC) - A conta Thefreethoughts no Twitter e outras fontes sauditas disseram que a fêmea, chamada Esra al-Ghamgam, foi executada sob as ordens do promotor no domingo.

Compartilhou um vídeo mostrando um carrasco fixando-a em uma posição reclinada no chão antes de decapitá-la com uma espada enquanto as forças de segurança permaneciam à sua frente.

Ghamgham foi detida ao lado de seu marido Seyyed Musa Ja'afar Hashem durante uma incursão de segurança em sua casa na região principalmente xiita de Qatif na Província Oriental em 8 de dezembro de 2015.

Citando a conta do Twitter, o jornal al-Quds al-Arabi , de Londres, noticiou anteriormente que sua detenção ocorrera em resposta a suas atividades "anti-establishment".

Ele disse que o ativista costumava participar de protestos pacíficos na região em apoio à democracia e libertação de presos políticos.

O príncipe herdeiro do reino, Mohammad bin Salman, tem tentado se apresentar como o defensor da reforma social e uma figura liberalizante.

Em maio, ele suspendeu a proibição do reino à direção feminina, mas pouco antes disso, as forças de segurança sauditas realizaram uma série de greves de mulheres ativistas, incluindo algumas das pessoas que apoiaram a remoção da proibição.

Os ativistas ainda estão atrás das grades, com as prisões e detenções continuadas sendo criticadas por grupos de direitos internacionais.

Fonte: Press TV



Via https://www.yjc.ir/en/news/27612/saudi-arabia-beheads-female-activist-in-public-report
Postar um comentário