Últimas

MAIS MATANÇA: MUÇULMANOS ASSASSINAM 86 AGRICULTORES CRISTÃOS E INCENDEIAM 50 CASAS NA NIGÉRIA

Pelo menos 86 pessoas foram mortas 23 de junho no Estado de Plateau da Nigéria em confrontos supostamente entre pastores muçulmanos Fulani e agricultores cristãos, segundo a polícia Plateau.

Outros seis ficaram feridos e 50 casas foram destruídas, confirmou o comissário de polícia de Plateau, Undie Adie, no dia seguinte, embora não se tenha claro quantos dos mortos eram agricultores. A violência no final de semana encerrou três dias de ataques a fazendeiros cristãos nas aldeias de Plateau, disse a polícia ao Guardian, e é a mais recente de uma antiga rivalidade pelos direitos à terra.


Centenas de quilômetros ao sul, no Estado de Oyo, os pastores Fulani continuam a ocupar terras que adquiriram de fazendeiros em pelo menos 10 áreas do governo, disse o defensor nigeriano da Southern Baptist, Adeniyi Ojutiku, à Baptist Press.

Ojutiku disse que os pastores nômades tomaram a terra de várias formas, colocando-se como colonos, atacando e aterrorizando os proprietários de terra nativos, iniciando negócios de terras defeituosos ou atacando agricultores que se recusam a aceitar ofertas de compra.

Cristãos lamentam seus mortos

"Os muçulmanos Fulani enviam seu gado para pastar as fazendas dos não-Fulani que teimosamente se recusam a desocupar suas terras", disse ele, "a fim de frustrar suas operações agrícolas e separá-las de seus meios de sustento". Os muçulmanos fulani geralmente violam mulheres deslocadas e viúvas pela violência, disse Ojutiku.






Via http://barenakedislam.com/2018/06/25/nigeria-muslim-herders-allegedly-have-killed-86-christian-farmers-and-burned-down-50-homes/
Postar um comentário