Últimas

ESTADO DE SÍTIO? EXÉRCITO PODE TOMAR AS RUAS APÓS PROVÁVEL PRISÃO DE LULA

Resultado de imagem para exército brasileiro NA RUA

Tais normas seriam decretadas em razão do agravamento das posições políticas e ideológicas que se consolidaram no atual cenário nacional.

O país passará por um período de confrontos e as instituições não serão capazes de controlá-los ou solucioná-los.

Seria possível uma intervenção militar no Brasil?


Posições radicais, autoritárias e antidemocráticas tomadas por líderes de esquerda e por movimentos ‘autointitulados’ como sociais demonstram que uma provável prisão de Lula poderá resultar em confrontos físicos entre a população.

Discursos de sindicalistas e de membros do Partido dos Trabalhadores destacam uma agressividade peculiar.

A palavra “guerra” tem sido um termo constante de suas falas, acirrando ainda mais o confronto ideológico criado pelo Foro de São Paulo.

O ódio crescente que se observa é o prenúncio de tempos de conflitos.

Caso sejam adotadas as normas do Estado de Defesa ou de Sítio, as Forças Armadas serão empenhadas.

Militares da ativa e da reserva, assim como a maioria dos cidadãos brasileiros não aceitam mais o “jogo político” praticado pelos representantes do povo.

O Brasil encontra-se em um patamar crítico de sua história e não se antevê uma solução que possa trazer uma paz civilizada e democrática ao seu povo.

As Forças Armadas, a instituição de maior credibilidade junto à sociedade, não poderão ser denegridas em função dessas “crises de insensatez” e deverão resguardar a honra e a integridade das instituições do Brasil!


Constituição Federal nº 1 de 05/10/1988 / ANC – Assembléia Nacional Constituinte
(D.O.U. 05/10/1988)TÍTULO V – DA DEFESA DO ESTADO E DAS INSTITUIÇÕES DEMOCRÁTICAS


Art. 136. O Presidente da República pode, ouvidos o Conselho da República e o Conselho de Defesa Nacional, decretar estado de defesa para preservar ou prontamente restabelecer, em locais restritos e determinados, a ordem pública ou a paz social ameaçadas por grave e iminente instabilidade institucional ou atingidas por calamidades de grandes proporções na natureza.

Art. 137. O Presidente da República pode, ouvidos o Conselho da República e o Conselho de Defesa Nacional, solicitar ao Congresso Nacional autorização para decretar o estado de sítio…







Via http://www.diariodobrasil.org/

Nenhum comentário