Últimas

PROGRAMA DE FÁTIMA BERNARDES DEFENDENDO TRAFICANTE VIRA SÍMBOLO DA INVERSÃO DE VALORES NO PAÍS

5457999_x720

É o que sempre tenho dito: políticos vem e se vão, mas enquanto o Brasil continuar sendo o país da malandragem, da sacanagem, da inversão de valores, cultura esta que serve de instrumento para marxismo cultural, ele nunca mudará.
É necessário arrependimento e uma matenoia profunda coletiva, este país precisa se humilhar totalmente diante de Deus...

O Brasil, em números absolutos, tem o maior numero de homicídios no mundo, segundo dados do Atlas de Violência foram 59.627 em 2014, taxa considerada epidêmica pela ONU, superior a de países em guerra civil como a Síria. No ano passado o instituto Datafolha revelou que 8 em cada 10 pessoas que vivem nas cidades brasileiras tem medo de morrer assassinadas. Com números assustadores como esses não é à toa que o grande público quer soluções para esse que é de longe um dos maiores problemas do país. E após 13 anos de PT, implementando sua ideologia de respeito ao crime e condenação a autodefesa, com os números apenas explodindo em reposta, a população tem pouca paciência para os demagogos de esquerda.

Na quinta-feira (17) em seu programa, Fátima Bernardes protagonizou em seu já deprimente show, um festival dessa demagogia esquerdista. Elaborando um cenário, onde em meio aos múltiplos conflitos atualmente ocorrendo entre os traficantes e a polícia no Rio de Janeiro, aguardariam o socorro um policial ferido e um traficante gravemente ferido. A pergunta feita; quem deveria ser socorrido primeiro? A reposta unânime dos convidados de Fátima: o traficante. Tal reposta causou choque e revolta na audiência e serviu como sublime demonstração da inversão de valores por que passa a sociedade brasileira.

O Brasil é o país da firula, o país do falso bom moço, do moralista de botequim, onde os problemas se resolvem escrevendo-se platitudes no papel e ignorando a população em seu analfabetismo funcional. O exemplo máximo; nossa super inflada constituição, que garrante a todos, moradia, saúde, educação, creche, trabalho, igualdade, segurança e tudo mais que nossos políticos bons de gogo e mancos de ação foram capazes de pensar. A realidade não liga para oque escrevemos em um papel, especialmente quando o que escrevemos vai na contramão dessa realidade. Todas as garantias do mundo não serviram de nada para os mais de 60 mil assassinados esse ano, e está na hora de nossos políticos aprenderem essa dura lição; demagogia não enche barriga, demagogia não para bala, e pela massiva reposta ao fiasco de Fátima, o brasileiro finalmente acordou para esse fato.

Se vivêssemos em um mundo onde a demagogia funcionasse, onde de fato tivéssemos toda a saúde, educação, segurança e riqueza que nossa constituição nos promete, poderíamos com a consciência tranquila resgatar o traficante ferido, e confortavelmente “ressocializa-lo”, quem sabe apesar de minhas dúvidas, em um mundo perfeito ele vira-se o próximo Steve Jobs? Infelizmente não vivemos nesse mundo, vivemos no Brasil, onde cotidianamente cidadãos de bem morrem na fila SUS, onde os recursos são curtos e a boa vontade curtíssima, nessa realidade optar socorrer o traficante ao invés do policial é um crime, se não penal, ao menos um crime de profunda cretinice.

Um comentário

Herdeiro De Deus disse...

MUITA CRETINICE NUNCA GOSTEI DESSE PROGRAMA ACHO MUITA HIPOCRISIA, DEFENDE VALORES INVERTIDOS CONTRA A FAMÍLIA PRA MOSTRAR BONDADE .