Últimas

ESTADO ISLÂMICO AMPUTA CRIANÇAS COMO CASTIGO


A onda de terror perpetrado pelo Estado Islâmico não cessa. Segundo relata a Sky News, citando testemunhas, os jihadistas agora amputam parte dos corpos das crianças em Raqqa, seu reduto na Síria, como castigo por violar suas leis.

Duas famílias que conseguiram escapar da cidade síria contaram a imprensa os horrores que presenciaram. A última perversidade é a pratica de amputações públicas, algumas das quais tiveram como vítimas crianças. “Meus filhos viram isso”, relatou uma mãe de três crianças pequenas.

Segundo revelado pela mulher, uma das vítimas do bárbaro castigo foi um adolescente de apenas 11 anos. O menor vivia só por ser órfão e uma vez tentou vender uma bateria de carro roubado para conseguir comida. O homem a qual o menino tentou vender, informou aos comandantes do EI e os terroristas lhes cortaram uma das mãos com uma espada em uma rua pública.

“(Os jihadistas) colocaram um bloco de madeira em baixo de sua mão e disseram que ele havia roubado uma bateria de carro. Disseram que esta mão tinha roubado e que tinha que ser castigada. E então eles cortaram“, explicou a mulher. Seus filhos, presenciaram toda a execução e passaram a ter pesadelos com isso.

Entre outras experiências dolorosas compartilhadas pelas famílias de Raqqa se encontra a história de uma mãe que foi pressionada para vender sua filha de 14 anos para se casar com um jihadista de 29 anos. No entanto, a família conseguiu escapar para a Turquia antes que o casamento. – rt

Via: Portal Padom

Nenhum comentário