Últimas

PERSEGUIÇÃO: PRESIDENTE TURCO ERDOGAN SE APODERA DE IGREJAS CRISTÃS E AS DECLARA "PROPRIEDADE ESTATAL"

A Turkish policeman stands guard outside a church

Segundo informa o site Express, o presidente Recep Tayyip Erdogan, tomou o controle de seis igrejas em uma cidade a sudoeste de Diyarbakir, o que foi considerado como a última manobra contra a liberdade de expressão e liberdade religiosa na Turquia.

A apreensão estatal é somente a última de uma série de acontecimentos preocupantes na Turquia, a qual, enquanto avança em sua eliminação das liberdades democráticas, está em conversações avançadas com a UE sobre a isenção de vistos para seus 80 milhões de cidadãos.

Entre as igrejas tomadas pelo estado turco, estão inclusos templos católicos, igrejas protestantes e ortodoxas, uma das quais tem mais de 1700 anos de idade.

As autoridades afirmam que esta manobra foi realizada porque tem a intenção de reconstruir e restaurar o centro histórico da cidade que foi parcialmente destruída após 10 meses de conflito urbano entre as forças governamentais e os militantes do Partido dos Trabalhadores Curdos (PKK).

No entanto, os cristãos da cidade temem que tudo faça parte de um golpe de estado contra sua religião e eles estão ameaçando com ações legais contra a decisão.

Ahmet Guvener, pastor da igreja protestante de Diyarbakir, disse: "O governo não assumiu o controle destes edifícios com a finalidade de protegê-los, mas sim para derrubá-los."

E a Associação de advogados de Diyarbakir, a qual representa os cristão de uma dos centros, apresentou oficialmente uma apelação contra a iniciativa do governo.

Em um comunicado, o grupo diz que: "Entre a partes expropriadas, há estruturas que pertencem à instituições públicas, lugares de culto e casas consideradas como patrimônio histórico e cultural.

Esta decisão, que parece ser feita pela solicitação do Ministério do Meio Ambiente e Urbanismo sem nenhuma razão ou justificativa, é inaceitável dentro dos limites da ordem constitucional".

Em resposta às queixas, o ministério turco insistiu que não tomou o controle das igrejas por motivos religiosos, afirmando que também ocupou várias mesquitas históricas da cidade.

Mas, diferentemente das igrejas cristãs, as quais são mantidas pela generosidade de suas congregações, todas as mesquitas da Turquia são financiadas e apoiadas pelo governo, o que significa que elas têm seu futuro garantido.

Em respostas às queixas, Victoria Coates, a qual é assessora política exterior do candidato presidencial Ted Cruz dos EUA, disse que a apreensão se ajusta a uma padrão do Oriente Médio, onde os cristãos são deslocados e perseguidos sistematicamente.

Via: http://www.express.co.uk/news/world/663089/Islamist-Turkey-Erdogan-seize-Christian-churches-Diyarbakir-persecution-state-property e http://www.anovaordemmundial.com/

Nenhum comentário