Últimas

SERVIDORES DO ESTADO DENUNCIAM PRESSÃO PARA PARTICIPAREM DE ATO PRÓ-LULA; ERMÍCIO SENA NEGA

Presidente do PT nega pressão sobre servidores
Servidores públicos do governo do Estado denunciaram através das redes sociais que estariam sofrendo pressão por parte do governador do Acre, Tião Viana (PT), e secretários para que participassem do ato pró-Lula, marcado para esta sexta-feira (18), em frente ao Palácio Rio Branco.

A reportagem da ContilNet conversou com o presidente do Partido dos Trabalhadores ( PT ), Ermício Sena, que falou sobre as denúncias feitas durante a semana contra Tião Viana, a chefe da Casa Civil, Márcia Regina, e a secretária de Políticas para as Mulheres, Concita Maia, junto ao Ministério Público do Acre pelos Advogados Gabriel Santos e Roberto Duarte Junior.

Ermício Sena disse que as denúncias são infundadas, sem provas e feitas por duas pessoas que “só querem ser”.

Presidente do PT nega pressão sobre servidores

“Esses rapazes, como diz o bom acreano, ‘só querem ser o que não são’, são denúncias infundadas, sem provas e que o Ministério Público mostrará que não existe nenhum embasamento legal para isso. O que acontece é que a oposição ‘coxinha’ pegou um momento de emoção em que a doutora Marcia enviou uma mensagem do celular do governador para criar um fato político. O governador nunca ameaçou ninguém, nem secretário e muito menos servidor”, afirmou Sena.

As declarações do petista vão de encontro a uma mensagem recebida pela deputada Eliane Sinhasique em sua página no Facebook onde uma servidora estadual afirma que o governador Tião Viana visitou algumas secretarias do Estado para ‘convidar’ servidores, secretários e comissionados a comparecerem ao evento pró-Lula e Dilma.

Via: http://contilnetnoticias.com.br/2016/03/18/servidores-do-estado-denunciam-pressao-para-participarem-de-ato-pro-lula-presidente-do-pt-nega/

Nenhum comentário