Últimas

OBVIEDADE: AVIÃO CARGUEIRO DA VENEZUELA FAZ POUSO FORÇADO EM BRASÍLIA, E CARRO COM PLACA DE GOIÁS É APREENDIDO COM MILHÕES EM MOEDA VENEZUELANA

Dinheiro estava dentro de três malas em um veículo (Foto: Polícia Militar Rodoviária/Cedida)

Não farei ilações aqui, tampouco acusações “levianas”. Vou me limitar a juntar duas notícias recentes num só post, e o leitor que tire suas próprias conclusões:

Avião cargueiro faz pouso forçado no Aeroporto Internacional de Brasília

Informações preliminares apontam que a aeronave precisou jogar combustível fora por estar acima do peso



Um cargueiro modelo DC-10 da companhia venezuelana Solar fez um pouso forçado no Aeroporto Internacional de Brasília por volta das 12h desta segunda-feira (7/3). Segundo a Força Aérea Brasileira (FAB) o avião declarou emergência por ter apresentado problema no trem de pouso.

Informações preliminares apontam que a aeronave precisou queimar combustível fora por estar acima do peso. Por isso o carguiero teve que ficar dando voltas em Brasília. A aterrissagem foi realizada sem acidente e feridos.

Polícia Rodoviária apreende mais de R$ 6 milhões em dinheiro venezuelano

Flagrante ocorreu na madrugada desta terça-feira (8), em Pres. Prudente.
Cédulas estavam em quatro malas dentro de um veículo.

A Polícia Militar Rodoviária apreendeu na madrugada desta terça-feira (8), em Presidente Prudente, 11,4 milhões de bolívares, moeda corrente da Venezuela, que eram transportados por dois homens em uma caminhonete Kia Mohave, com placas de Goiânia (GO), abordada por volta das 4h30 no km 561,5 da Rodovia Raposo Tavares (SP-270). Na conversão cambial, o valor equivale a aproximadamente R$ 6,8 milhões.

Os dois homens são moradores do Estado de Goiás e acabaram presos em flagrante pelo crime, em tese, de evasão de divisa. A caminhonete era conduzida por um corretor de imóveis, de 46 anos, e tinha como passageiro um ex-bancário, de 44 anos.

Durante a fiscalização, os ocupantes do veículo apresentaram nervosismo exacerbado, segundo a polícia, além de respostas contraditórias sobre a motivação da viagem que faziam.

No porta-malas da caminhonete, havia seis malas de viagem e as notas do dinheiro venezuelano foram localizadas dentro de quatro delas. Nas outras duas malas, havia apenas roupas dos ocupantes do veículo.

O que o leitor acha disso? Será que pode haver alguma ligação entre os dois casos tão próximos? E isso logo depois da Operação Lava-Jato colocar o ex-presidente Lula no epicentro das investigações, com o Foro de São Paulo emitindo nota de apoio ao companheiro bolivariano. Está na dúvida se há elo? Então vamos só fechar com uma foto para refrescar a memória do leitor:


Esse aí ao lado de Lula é Cabello, braço-direito do ditador Maduro e acusado de tráfico de drogas pelo governo americano. É a máfia vermelha e branca: vermelha da ideologia comunista e branca da cocaína que irriga seus cofres. São traficantes com uma ideologia ou ideólogos que traficam para seu projeto de poder? Ó, dúvida cruel.

O que se sabe, porém, é que a ligação da esquerda radical latino-americana com o tráfico de drogas é bem antiga, e Cuba já foi um dos principais hubs do tráfico internacional, sem falar das Farc, aliadas dessa corja toda. Isso mesmo: Fidel Castro, além de ser o mais cruel ditador e o maior assassino do continente, é também o maior traficante de drogas.

Pois é, meus caros, não estamos lidando com brincadeira. É preciso, afinal, bancar MUITA mortadela para os vagabundos da CUT, UNE e MST, não é mesmo? E por isso mesmo é fundamental que todos estejam no próximo domingo nas ruas para protestar contra o governo Dilma, o PT e Lula. Não dá mais para ter gente assim no comando de nosso país. Eles querem transformar o Brasil na Venezuela. Mas nós não vamos deixar. Nos vemos no dia 13!

Por Rodrigo Constantino

Nenhum comentário