Últimas

MUÇULMANOS TORTURAM MULHER CRISTÃ E TENTAM FORÇÁ-LA A CONFESSAR QUE BLASFEMOU MAOMÉ

Policiais muçulmanos no Paquistão – país islâmico cujo nome significa “país dos puros !” –torturaram uma mulher cristã para forçá-la a confessar que ela blasfemou Maomé. No meio de todo esse caos, seu marido aparece e disse aos policiais que foi ele quem cometeu as declarações blasfemas. Ele recebeu a pena de morte, para sua esposa. De acordo com o relatório:

Um homem cristão deficiente condenado à morte no Paquistão afirmou que ele foi forçado a admitir acusações de blasfêmia, a fim de salvar sua esposa, que estava sendo torturada pela polícia.

"Não há nenhum homem que pode suportar ver sua esposa sendo torturada pela polícia, de modo a salvar a minha esposa, eu confessei", disse Shafqat Emmanuel em seu apelo, de acordo com Mail Online.

Emmanuel e sua esposa, Shagufta Kausar, foram considerados culpados de blasfemar contra o profeta muçulmano Maomé em mensagens de texto para o seu imã local em 2013, e condenados à morte.

Via: http://shoebat.com/2016/02/20/muslims-torture-christian-woman-and-try-to-force-her-to-confess-that-she-blasphemed-muhammad-her-husband-comes-in-and-tells-them-that-he-blasphemed-muhammad-to-save-his-wife-the-muslims-take-him-and/

Nenhum comentário