JUSTIÇA CONDENA PASTOR POR PREGAR CONTRA A HOMOSSEXUALIDADE - Allahu Akbar Allahu Akbar Allahu Akbar Allahu Akbar Allahu Akbar Allahu Akbar Allahu Akbar

Allahu Akbar Allahu Akbar Allahu Akbar Allahu Akbar Allahu Akbar Allahu Akbar Allahu Akbar Allahu Akbar Allahu Akbar Allahu Akbar

Últimas

JUSTIÇA CONDENA PASTOR POR PREGAR CONTRA A HOMOSSEXUALIDADE


A justiça do Chile declarou culpado o pastor Javier Soto, por dizer em várias oportunidades a um ativista gay que a Bíblia condena a homossexualidade.

O Sétimo Tribunal de Garantia de Santiago condenou o pregador cristão Carlos Javier Soto Chacon, mais conhecido como ‘Pastor Soto’ a 300 dias de prisão.

A sentença foi informada pelo tribunal após o veredito de condenação no dia 23 de novembro, pelo crime de insulto contra o diretor da Área de Direitos Humanos do Movimento de Integração e Liberação Homossexual (Movilh), Rolando Jiménez.

De acordo com a informação divulgada por Movih, na audiência de sexta-feira, o religioso ameaçou o juiz que leu a sentença, apontando com o dedo, pelo que poderá ainda enfrentar a justiça por causa dessa situação.

Javier Soto, é pastor da Igreja Missionaria Pentecostal Rios de Agua Viva, com sede em Viñar del Mar, mas a Mesa Ampliada de Igrejas Evangélicas do Chile, tem desconhecido sua qualidade de pastor e reprovado suas apresentações públicas.

A Movilh apresentou a cerca de um ano uma denúncia contra o pregador por ter perseguido persistentemente o seu líder Rolando Jimenez, durante eventos públicos e até mesmo na sede do movimento.

Via: Portal Padom

Nenhum comentário