Últimas

PROFESSORA É EXPULSA DE ESCOLA PÚBLICA POR DISCORDAR DA IDEOLOGIA DE GÊNERO, NO RS


Na última sexta-feira (24), uma professora que trabalhou na Escola Municipal de Ensino Fundamental Ícaro, em Canoas (RS) publicou um vídeo em seu canal do Youtube, no qual relata que foi expulsa por ter se posicionado contra uma palestra que visava - entre outros objetivos - promover a ideologia de gênero na instituição.

Segundo a professora de Educação Física Paula Marisa, a 'polêmica' teve início, quando ela viu a divulgação de uma palestra programada para acontecer na escola no dia 15 de julho, tendo como público alvo, adolescentes de de 13 a 15 anos.

"Eu perguntei à direção da escola sobre o que seria tratado nesta palestra e me informaram que seriam abordadas questões de gênero e que também seriam distribuídas camisinhas aos alunos, caso desejassem. Após isto, perguntei se os pais estavam cientes disso e me disseram que os pais haviam assinado ao início do ano, uma autorização para que os alunos assistissem a 'palestras sobre saúde", contou.

A professora ainda perguntou sobre a formação do palestrante do evento em questão (Fábulo Rosa) e a informação que lhe foi passada foi a de que o preletor era da Coordenadoria da Diversidade do Município de Canoas e representante do movimento LGBT.

"Passei então a exigir veementemente que fosse enviada aos pais uma autorização, contendo os assuntos que seriam abordados e a formação do palestrante. Além de se negar a fazer isso, a direção me chamou em sua sala, com uma ata pronta e 'me colocou à disposição', ou seja, me expulsou da escola", disse.

Clique no vídeo abaixo para conferir o depoimento completo da professora Paula Marisa:



Via: http://guiame.com.br/

Nenhum comentário