Últimas

DEPOIS DE EVO (BOLÍVIA), NICOLÁS MADURO (VENEZUELA) E CRISTINA KIRCHNER (ARGENTINA) MANDA RECADO “ESTAMOS COM DILMA E NÃO POUPAREMOS ESFORÇOS”

A coisa está deixando de ficar bizarra, e se tornando séria.... isso aí é motivo pra guerra!!!

Dois presidentes latino-americanos declararam na quinta-feira, 20, apoio à presidente Dilma Rousseff, no mesmo dia em que movimentos sociais convocaram atos pelo Brasil para fazer um contraponto aos protestos que pediram o impeachment da petista, no domingo.


Nicolás Maduro, da Venezuela, usou o Twitter para mandar sua mensagem de apoio à petista. “Me somo à jornada mundial de solidariedade e amor com o Brasil. #LulaDilmaSomosTodos #AmericaLatinaConBrasil. Venceremos nem se for com a força”, escreveu Maduro.

O post do presidente venezuelano mostrava fotografias do ex-presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva ao lado de Hugo Chávez, que comandou o país vizinho de 1999 a 2013. O líder da “Revolução Bolivariana”, como ele é chamado pela agência oficial de notícias da Venezuela, também apareceu emimagens ao lado de Dilma.

Em parte dos protestos ocorridos no Brasil no domingo, manifestantes contrários a Dilma, a Lula e ao PT exibiram cartazes de protesto contra a Venezuela e o regime bolivariano. Para a agência de notícias do governo Maduro, a direita tenta interromper o segundo mandato da presidente brasileira e “através de manobras ilegais pôr fim à democracia” no país.

Já a presidente da Argentina, Cristina Kirchner, usou parte da cadeia nacional de TV convocada na noite de quinta-feira para defender a colega brasileira. “Nem bem Dilma foi eleita depois do 2.º turno, começaram panelaços sem objetivo definido, isso não vamos aceitar e estamos com nosso exército a disposição.

Agora também atacam Lula, porque pensam que depois de Dilma pode voltar Lula, que fez algumas coisas grandes pelo Brasil”, destacou Cristina.

Via: http://pensabrasil.com/depois-e-evo-bolivia-nicolas-maduro-venezuela-e-cristina-kirchner-argentina-manda-recado-estamos-com-dilma-e-nao-pouparemos-esforcos/

Nenhum comentário