Últimas

VERGONHA: TONY REIS, LÍDER DO MOVIMENTO GAY, ENSINA EDUCAÇÃO SEXUAL EM FACULDADE EVANGÉLICA

“Fantástico! Brilhante visita e palestra hoje (25/04/15) às 09:00 hs, em nosso Curso de Pós-Graduação em Educação Sexual, na Faculdade Evangélica do Paraná, de nosso amigo Dr Toni Reis, figura tão proeminente na defesa da educação e da sexualidade no Paraná e no Brasil, sua competência ética e intelectual nos brindou de tal modo que além de ricamente informativo foi acima de tudo divertido, que ninguém arredou pé. Muito obrigado Toni, colegas e amigos!” declarou Ocir de P. Andreata, coordenador do curso de pós-graduação em educação sexual da Faculdade Evangélica do Paraná (FEPAR).

Toni Reis na FEPAR, com professores e alunos evangélicos

O próprio Toni Reis se gabou do convite no Facebook de sua nova instituição de militância gay, o IBDSEX (Instituto Brasileiro de Diversidade Sexual), dizendo: “Hoje fui convidado para falar no curso de Especialização EDUCAÇÃO SEXUAL - Sexualidade Humana da Faculdade Evangélica do Paraná, sobre família, diversidade sexual e ética.”

A FEPAR é mantida pela Sociedade Evangélica Beneficente de Curitiba (SEB), composta pelas seguintes denominações evangélicas:

● Igreja Evangélica Assembléia de Deus em Curitiba
● Igrejas Batistas
● Igrejas Batistas Independentes de Curitiba
● Igreja Evangélica Congregacional
● Igreja Metodista do Brasil
● Igreja Evangélica Menonita
● Igreja Presbiteriana do Brasil
● Igreja Presbiteriana Conservadora
● Comunidade Evangélica Luterana de Curitiba
● Igreja Presbiteriana Independente do Brasil
● Igreja do Evangelho Quadrangular

Quem é Toni Reis? Ele é o fundador e ex-presidente da Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (ABGLT), organização de militância homossexual extremista por trás das campanhas para impor o kit gay nas escolas a fim de doutrinar as crianças do Brasil e também por trás das iniciativas para avançar todos os projetos de lei que visam implantar uma ditadura gay no Brasil.

Quando o assunto é evangélicos que fazem resistência a essas campanhas, Toni Reis tem apenas uma atitude: pressionar o governo para que faça calar as vozes evangélicas que “atrapalham” os planos da ABGLT. Em 2011, a ABGLT apresentou ao Ministério Público Federal queixa contra o Pr. Silas Malafaia, pedindo providências contra ele. Em 2007, a ABGLT apresentou a mesma queixa contra Julio Severo. Ambas as reclamações do ativista gay podem ser acessadas neste link: http://bit.ly/1JAkU0R

Como então o coordenador Ocir de P. Andreata não se sente constrangido de dizer “Fantástico! Brilhante visita e palestra… de nosso amigo Dr Toni Reis”? Isso é ou não é apostasia?
Por que ele não convidou Silas Malafaia para dar essa aula? Ou então a Dra. Marisa Lobo, que é uma grande psicóloga cristã que vive no Paraná?

Desde que comecei a denunciar a penetração de ativistas homossexuais em instituições evangélicas, a situação vem piorando, de forma assustadora. Em 2006, Luiz Mott, patrono do movimento homossexual no Brasil, deu palestra sobre sexualidade na Escola Superior de Teologia (EST), o maior centro teológico luterano da América Latina.

Em 2013, a Universidade Presbiteriana Mackenzie, sob o chanceler Augustus Nicodemus, convidou Jean Wyllys para um debate com um jurista evangélico em seu espaço. Wyllys foi aplaudido pelos estudantes da universidade evangélica e o jurista foi vaiado.

Agora, é a vez da Faculdade Evangélica do Paraná (FEPAR) fazer os evangélicos passarem vergonha.

Por que a FEPAR quis um notório perseguidor de evangélicos num curso de sexualidade? As várias denominações que ajudam a sustentar a FEPAR foram informadas desse escândalo?
Toni Reis, o presidente do Instituto Brasileiro de Diversidade Sexual, crê na diversidade sexual: homossexualismo e todas as suas variações pervertidas.

Em que a FEPAR acredita? Que os pastores e outros líderes evangélicos precisam aprender a diversidade sexual?

Luiz Mott na EST, Jean Wyllys no Mackenzie, Toni Reis na FEPAR. O que virá em seguida?
No que depender da Deus, quem pratica atos homossexuais não vai herdar o Reino de Deus, conforme 1 Coríntios 6:9-10.

Mas no que depender da FEPAR, quem pratica, defende e impõe atos homossexuais e persegue cristãos que defendem a sexualidade bíblica vai dar aulas de sexualidade para líderes evangélicos na FEPAR?

Nenhum comentário