Últimas

CIA ordena que a imprensa ocidental maquine mentiras



O editor de um jornal de grande circulação na Alemanha, Udo Ulfkotte, revelou que a CIA ordenou que os jornais alemães e agências de notícias maquinassem mentiras sobre o ex-ditador da Líbia Muammar Gaddafi para justificar a intervenção estrangeira na Líbia.

Segundo escreveu o site analítico Research Global, Ulfkotte disse em entrevista ao jornal'Insider russo ", que nos últimos anos havia publicado em seu nome no' Frankfurter Allgemeine Zeitung" escrito pela CIA e destinava-se a levar diferentes nações para a guerra .

De acordo com Ulfkotte, incluindo a notícia de que ele tinha de publicar em seu diário, culpou o presidente da Líbia, Muammar Gaddafi por construir usinas de gás venenoso na Líbia em 2011.

O editor também contou que por ordem da CIA teve que parar, como outros editores ocidentais, sobre o ataque químico de Saddam Hussein na cidade iraniana de Halabja, em 1988, que foi testemunha, porque o Iraque era um aliado dos EUA naquele momento.

Ulfkotte assegura que a corrupção pela CIA na grande imprensa é comum na maioria dos países ocidentais e que os jornalistas que não cumprem as suas ordens pode esquecer sobre suas carreiras, eles são acionados imediatamente e não consegue encontrar trabalho no setor de jornalismo. Alguns dos empregados 'rebeldes' têm até ameaças de morte.

O editor observou que se atreveu a fazer essa divulgação, como resultado de sua saúde qie deixou poucos anos de vida e não possui filhos a quem eles podem fazer pagar as consequências.

Tradução: Últimos Acontecimentos.

Fonte: RT.

Nenhum comentário