Últimas

Uma nova forma de Identidade permite que você seja um CIDADÃO GLOBAL



Sem dúvidas unirão a função de cidadão global com a tecnologia, e chiparão as pessoas com esta nova "ID"...

Nesta matéria muito interessante notamos como o mundo está evoluindo para o fim das fronteiras globais, onde uma forma de controle única para o ser humano é criada, diminuindo o papel e a necessidade da figura dos países, tornando assim viável a criação de um governo global, coisa que sabemos que é mais um dos cumprimentos das profecias bíblicas.

Leiam com atenção. Comentem se possível.

Uma vez que a tempestade da mídia em torno do nascimento e sua eventual queda, o Bitcoin fez o seu caminho para a consciência popular.

O que tem recebido menos atenção, fora dos círculos de tecnologia, pelo menos, é a tecnologia totalmente revolucionária que lhe está subjacente, conhecida como a blockchain. Sem ficar muito técnico, é como um livro gigante público em que todas as transações de Bitcoin são gravadas.

Apesar de ter sido criado pela primeira vez para a troca de moeda digital, o núcleode conceito do blockchain de forma descentralizada, é acesso grátis, registro público imutável pode ser adaptado para uma série de outros serviços.

Em uma entrevista com Janina Lowisz, a “Menina Blockchain”, 24 anos, estudante de administração, que foi anunciada como a primeira cidadã do mundo no Blockchain, podemos conhecer mais sobre o que seria um cidadão global.


Oi, Janina. Em primeiro lugar: o que exatamente é uma ID blockchain, e como ele funciona?

Janina Lowisz: Bem, o Bitnation [um grupo de promoção da governação descentralizada] lançou o projeto piloto Blockchain ID no ano passado, em outubro. É um serviço de passaporte privado que pode validar a existência das pessoas usando ferramentas disponíveis gratuitamente que temos hoje. Você pode olhar para as etapas exatas para fazer um no vídeo do YouTube, mas basicamente isso prova concreta de que alguém existiu em um determinado tempo e lugar, como verificado por outro determinado grupo de pessoas.

Você é o primeiro "Cidadão do Mundo". Como se sente?

Sinto-me muito honrada por isso. E também eu sinto que agora é a minha responsabilidade na promoção do blockchain e tudo mais que você pode fazer com ele.

Ouvi dizer que foi inventada por um cara chamado Chris. Será que ele não quer ser o primeiro a ter um?

Bem, eu acho que os criadores queriam alguém que não estava já envolvido na área antes, para mostrar que uma pessoa sem qualquer conhecimento técnico pode se tornar um cidadão deblockchain, isso pode ser feito em qualquer lugar e por qualquer pessoa. E também, é claro, do meu percurso é libertário, então eu agarrei a base filosófica de tudo, mesmo sem conhecimento especial da tecnologia.

Então, o que exatamente você pode utilizar o passaporte para hoje?

No momento, a ID é mais uma adição que você pode usar para coisas como verificação online. Mas ele pode ser usado por pessoas apátridas-isso é importante e há um plano para desenvolver o processo no futuro e torná-lo mais simples para eles para obter um. Ou se as pessoas querem declarar-se como um cidadão do mundo e não apenas qualquer nacionalidade que aconteceu para nascer como, esta é uma boa maneira de expressar essa opinião.

Além disso, como é um projeto-piloto para um serviço privado de passaporte, ele mostra soluções privadas são capazes de muitas das mesmas funções que um governo centralizado. Há tantas coisas que o governo faz atualmente que pode realmente ser feito de uma forma voluntária e descentralizada; não há realmente nenhuma necessidade de serviços de pessoas de governança centrais podem simplesmente pagar por quaisquer serviços que eles querem.

Então, o que você acha que o futuro seria como se as pessoas dependiam do governo menos e paga por tudo sozinhos?

Seria ótimo! Mesmo agora, há grupos libertários emergentes em todos os lugares, você pode ver que cada vez mais Estados-nação serem um modelo do passado. Todos eles têm altas dívidas, e mesmo aqueles que são vistos como trabalhar bem tem enorme dívida, é só baixa em comparação com todos os outros. Todos estão lutando! Eu realmente não posso pensar em um bom governo em qualquer lugar. Assim, ao longo do tempo, as pessoas estão se tornando mais e mais conscientes disso e começam a procurar outras soluções voluntárias.

Quer dizer que o blockchain está nos levando para a morte do Estado-nação?

Talvez não agora, mas a tecnologia permite uma série de novas possibilidades para substituir o que o Estado fornece, uma opção seria a de oferecer os serviços governamentais em pacotes que as pessoas possam pagar por qualquer serviços que vai usar. É assim que o governo deve funcionar: Em vez de pagar os impostos que são desperdiçados em coisas que você não quer mesmo, desta forma você pode ter uma escolha livre e ver exatamente onde seu dinheiro está indo.

Percebi que há muitas outras coisas que você poderia usar o blockchain também. Ouvi falar de algumas pessoas que se casam com ele. Qual é o negócio lá?

Sim, esse foi o primeiro projecto-piloto que Bitnation fez. Isso significa que há um contrato inteligente: Ao contrário deocasamento tradicional, você não é obrigado por toda a vida, mas pode escolher quanto tempo e cinco anos, dez anos, 15 anos e então você tem que renová-lo ou ele termina automaticamente.

A vantagem disso é que as pessoas não estão se comprometendo com ele para sempre, por isso, se uma pessoa no casamento causa problemas, o outro não seja punido pela decisão de deixá-los. Muitas vezes, depois de um divórcio, o homem tem de pagar para a mulher, mas poderia ser culpa da mulher! Com um contrato inteligente, ninguém pode explorar o outro uma vez que o casamento acaba.

Você poderia me casar com alguém que você pode não gostar tanto assim ...

Bem, pessoalmente, eu só iria se casar no blockchain. O casamento tradicional é um grande risco que pode destruir a vida das pessoas.

Então, todos vão usar esta tecnologia muito mais a partir de agora?

Eu acho que vai demorar muito tempo para as pessoas usarem coisas como casamento blockchain enquanto as opções tradicionais têm outros benefícios, como a redução de impostos, por exemplo. Mas, como uma libertária, eu não acho que se deve tomar decisões importantes da vida com base no que o Estado tem a dizer sobre isso.

Qualquer outra coisa a acrescentar?

Claro, se você estiver interessado, você deve procurar o BlockchainID no Github e ver todos os projetos Bitnation, como registro de imóveis, casamentos, e muitas outras coisas que serão possíveis no futuro.

Tradução: Últimos Acontecimentos.

Fonte: VICE e http://www.ultimosacontecimentos.com.br/

Nenhum comentário