Últimas

Falsa bandeira: Alto comandante do Estado Islâmico admite receber financiamento dos EUA



Pois aí está... Como já sabemos, os globalistas financiam os dois lados da moeda, pois as guerras, além de muito lucrativas (indústria bélica), estabelecem o caos que eles precisam para a sua 'nova ordem'.
O que é de doer, é saber que estes globalistas usam uma nação cristã, como os EUA, para financiarem as decapitações dos próprios cristãos feitas pelo ISIS.

Yousaf Al Salafi, comandante Estado Islâmico preso na semana passada pelos serviços de inteligência paquistanês, confessou que recebeu financiamento dos EUA

"Durante as investigações, Yousaf Al Salafi revelou que o financiamento recebido através dos EUA para operar o Estado Islâmico no Paquistão e recrutar jovens para lutar na Síria", revelou um fonte anônima revelou pertencente a investigação, informa o “The Express Tribune”.

Yousaf Al Salafi, de nacionalidade Sírio-paquistanês e suposto comandante do Estado Islâmico, foi preso na semana passada pelos serviços de inteligência paquistaneses, juntamente com dois companheiros em um ataque em Lahore. A informação confirma que Al Salafi trabalhou durante semanas com Hafiz Tayyab, imán de uma mesquita local preso há cinco meses por recrutar jovens paquistaneses para lutar contra o Estado islâmico na Síria.

"Washington condenou as atividades do Estado islâmico, mas, infelizmente, não tem sido capaz de parar de financiar esta organização, que está sendo distribuída através dos EUA", disse a fonte.

Há também dados indicando que as revelações de Al Salafi foram compartilhadas com o secretário de Estado dos EUA John Kerry durante sua visita a Islamabad. "A questão também foi abordada com o general Lloyd Austin, comandante da CENTCOM (Comando Central dos EUA) durante sua visita a Islamabad no início deste mês", disse outra fonte.

Tradução: Últimos Acontecimentos.

Fonte: RT
Postar um comentário