Últimas

Mais ebola? EUA ordena que 250.000 trajes Hazmat sejam enviados à Dallas

Um gerente de uma grande companhia de transportes revelou exclusivamente ao Infowars que o governo dos EUA ordenou que 250.000 de trajes Hazmat sejam enviados para Dallas, o local do primeiro surto de Ebola nos Estados Unidos.

O gerente da companhia de transportes comprovou suas credenciais ao Infowars, fornecendo uma identificação com foto e enviando um e-mail verificado a partir da conta da empresa, mas deseja permanecer anônimo devido a receios compreensíveis que ele poderia ser demitido por revelar a informação.

“Eu soube que foi pedido que nós enviássemos 250 mil trajes HAZMAT para Dallas, no Texas, pelo Governo dos EUA. Mais uma vez isso está acontecendo hoje, nós estamos movendo esses trajes para o Governo dos EUA em Dallas, no Texas“, afirma o indivíduo, que gerencia os motoristas que trabalham para a empresa de transporte.

A compra de um quarto de milhão de trajes Hazmat a serem enviados para Dallas confirma que as autoridades de saúde ainda estão muito preocupadas com a propagação do Ebola após duas enfermeiras na cidade que cuidaram do paciente zero, Thomas Eric Duncan, contraírem o vírus no início deste mês.


Trajes Hazmat

Em uma entrevista ao programa Alex Jones Show na semana passada, o Doutor James Lawrenzi revelou que a Hospital Corporation of America (HCA), uma operadora privada de serviços de saúde, tinha removido os equipamentos de proteção e trajes Hazmat dos hospitais locais sem substituí-los. Lawrenzi também revelou que os possíveis casos de Ebola não estavam sendo reportados e que os pacientes estavam “desaparecendo” dos hospitais.

Como já relatado anteriormente, a distribuidora de equipamentos de proteção individual, Lakeland Industries, anunciou ontem que havia recebido 1.000.000 pedidos de trajes Hazmat de agências governamentais em todo o mundo, um comunicado de imprensa que levou o preço das ações da empresa a subirem 30 por cento horas depois das negociação.

A Lakeland inicialmente chegou às manchetes em setembro, depois de revelar que tinha recebido um pedido do Departamento de Estado dos EUA para a compra de 160.000 de trajes Hazmat.

Outros órgãos federais, como os Institutos Nacionais de Saúde também estão estocando equipamento de proteção individual (EPI), em antecipação a um “evento de emergência” interrompendo a cadeia de abastecimento em algum momento no futuro. O Infowars também confirmou com inúmeros distribuidores que o governo federal está esgotando o fornecimento de trajes Hazmat e que o estoque está sendo colocado em espera para as “necessidades do governo”.

Via: Infowars e http://verdademundial.com.br/

Um comentário

cabeça de abobora disse...

ATENÇÃO: Irmão libertar você leu a notícia do g1 de que o mundo ira passar por 6 dias de escuridão.