Exército do Reino Unido mobiliza tropas e intensifica planos para atacar o Irã em meio a rumores de uma Guerra Nuclear - LIBERTAR.in - Ministério CASA DE YISRAEL

News

3 de nov de 2011

Exército do Reino Unido mobiliza tropas e intensifica planos para atacar o Irã em meio a rumores de uma Guerra Nuclear

Forças Armadas da Grã-Bretanha estão acelerando seus planos de contingência para uma ação militar contra o Irã. Em meio à preocupação crescente sobre o programa de enriquecimento nuclear de Teerã. O Ministério da Defesa acredita que os EUA podem decidir avançar mais rapidamente do que o esperado com os planos para ataques com mísseis dirigidos a algumas instalações-chave iranianas. Segundo autoridades britânicas, Washington está a frente das negociações. Os EUA receberão ajuda militar do Reino Unido para qualquer missão. Em antecipação a um possível ataque, planejadores militares já estão se posicionando e examinando a melhor forma de implantar os navios de guerra - Royal Navy e submarinos equipados com mísseis de cruzeiro Tomahawk durante os próximos meses como parte do que seria uma campanha de ar e mar.

Um comentário:

Anônimo disse...

4 DE NOVEMBRO DE 2011 - 7H51
Irã adverte para consequências de um ataque de Israel


O Irã advertiu na terça-feira para as conseqüências de dimensões “apocalípticas” no caso de um ataque contra seu território, segundo uma mensagem publicada pela televisão estatal em sua página na internet.

Israel conhece bem as capacidades militares do Irã, diz a nota. “A indústria de mísseis iraniana é a melhor da região e uma das melhores do mundo”.

No caso de um ataque israelense, o Irã “sempre está preparado para a guerra”, já tinha declarado antes o ministro do Exterior, Ali Akbar Salehi, em declarações ao jornal “Harriyet Daily News” editado em inglês na Turquia.

As ameaças contra o Irã não sãn novas, assinalou a respeito da polêmica com Israel sobre uma intervenção militar contra as instalações nucleares iranianas, que se repetem há varios dias. “Há oito anos escutamos ameaças de Israel. Nossa nação está unida”.

Na quarta-feira, a imprensa noticiou que o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, buscava apoios para um ataque contra o Irã.
Fonte: vermelho
Irmão libertar li este artigo em uma pagina de noticias e achei interessante, sem duvida estamos no limiar de um guerra de consequencias que acho talvez sem volta e que afetará todo o planeta de modo devastador, vamos nos apegar em DEUS.

Popular